Sentimentos: o pinguim que gostava do calor (solidariedade)


Regular price $7.90
Sentimentos: o pinguim que gostava do calor (solidariedade)
Delicadamente ilustrados, estes livros contêm breves contos que, revelando situações e peripécias de seus graciosos personagens, incentivam a criança a desenvolver sentimentos de nobreza moral. O cultivo de bons sentimentos merece ter lugar de destaque na formação do caráter infantil - futuro cidadão. É fator que favorece o desenvolvimento harmonioso de suas faculdades culturais e espirituais. As leis que conduzem o homem à paz de consciência e à felicidade, ainda que relativa, fundamentam-se na prática de todas as virtudes. A coleção Sentimentos visa demonstrar à criança, por meio de exemplos de comportamento, personificados, de insetos e animais retratados em seus livros, as desvantagens da prática de ações baseadas em sentimentos de ordem inferior, como a presunção, a vaidade exagerada, a ambição, o egoísmo, a soberba, a falsidade. Assim, enquanto se distrai lendo as simpáticas histórias e acompanha as situações e peripécias vivenciadas pelos protagonistas, a percepção da criança é despertada para uma análise comparativa do comportamento de cada personagem, fazendo-a chegar à conclusão que as virtudes e os valores éticos aproximam as criaturas, enquanto os sentimentos menos dignos as distanciam, e podem acarretar desacertos, dificuldades, conflitos. Gusmão é um pinguim muito solidário. Ele acredita que todos devem ser amigos e dividir a geleira, de modo que todos possam pescar. Mas muita confusão acontece na vida deste pequeno amiguinho. Ele ensina a importância de compartilhar e fazer amigos. Você precisa conhecê-lo. SOLIDARIEDADE Ter solidariedade é muito importante. Significa estar sempre pronto para auxiliar o próximo seja ele quem for. É apoiar alguém nos momentos difíceis da vida, pelos quais todos nós passamos. Quando uma pessoa tem solidariedade pelos outros, dizemos que ela é solidária. Ser solidário é mostrar amor pelo outro, ajudando-o quando necessário, ouvindo-o quando ele precisa desabafar, apontando soluções para os problemas que, por ventura, ele tenha. O melhor da solidariedade é que se trata de uma condição espontânea, que pode ser cultivada em cada um. Basta ter o desejo de ser um ombro amigo para alguém que precisa.

Related Products